Ir para o conteúdo principal
História de cliente

Transformação digital de serviços financeiros em escala global‌

10x

Tempo de lançamento no mercado mais rápido — casos de uso implementados em 2 meses

100+

Casos de uso a serem lançados no próximo ano

500+

Usuários empresariais e de TI capacitados

ABN AMRO
NUVEM: Azure

“A Databricks forneceu uma plataforma para nossas equipes de dados e análises acessarem e compartilharem dados no ABN AMRO. As soluções baseadas em ML impulsionam a automação e o insight em toda a empresa.”

– Stefan Groot, diretor de engenharia analítica do ABN AMRO

Como um banco estabelecido, à medida que o ABN AMRO procurava modernizar suas operações, enfrentava desafios como o acesso complicado a fontes de dados devido à infraestrutura e data warehouses convencionais e processos de dados e fluxos de trabalho ineficientes. O ABN AMRO introduziu o Azure Databricks para resolver esses problemas. O resultado está acelerando a democratização de dados e IA, permitindo que mais de 500 engenheiros, cientistas e analistas trabalhem juntos, melhorem as operações em toda a empresa e alcancem novos mercados.

Tecnologias obsoletas impossibilitam novos objetivos

Tecnologias obsoletas impossibilitam novos objetivos

Ao longo dos anos, o ABN AMRO cresceu e se tornou o terceiro maior banco dos Países Baixos, gerando centenas de terabytes de dados de centenas de fontes diversas de dados. No entanto, os dados não foram efetivamente processados e analisados, e a situação estava longe da operação orientada por dados desejada. Data warehouses centralizados on-premises e fluxos de trabalho ineficientes criaram barreiras para a transformação em um banco verdadeiramente digital que pudesse maximizar o uso dos dados.

“Para capitalizar as oportunidades à nossa frente, precisávamos aproveitar totalmente nossos dados e inovar nossos métodos existentes”, explicou Stefan Groot, diretor de engenharia analítica do ABN AMRO. “Nossa empresa tinha diversas equipes trabalhando isoladamente, sem verdadeira colaboração ou compartilhamento de práticas recomendadas. Embora houvesse comunicação, não havia consistência centrada nos dados, o que criou ineficiências em massa.”

Groot viu a importância de mudar de big data warehouses tradicionais para lakehouses e malhas de dados orientados por domínio, em que uma plataforma comprovada e padronizada permite a criação e o processamento de dados entre domínios.

Ele também vislumbrou uma cultura de InnerSource em que centenas de profissionais de dados colaboram para compartilhar insights de dados de forma transparente para apoiar os objetivos de negócios.

Reinventar as operações: federação de todos os dados para análises

Reinventar as operações: federação de todos os dados para análises

Com o objetivo de se tornar uma organização orientada por dados, o ABN AMRO migrou para a nuvem Azure para facilitar o uso e a escalabilidade. Em poucos meses, a Databricks Lakehouse Platform já estava funcionando. O ABN AMRO acelera a inovação ao apresentar as soluções baseadas em dados do Databricks, que melhoram a tomada de decisões estratégicas, a eficiência operacional, a segurança cibernética e a experiência geral dos clientes.

O Databricks facilita o acesso a várias fontes de dados e simplifica o gerenciamento de infraestrutura em qualquer escala. O ABN AMRO aproveita o Delta Lake para criar pipelines de dados rápidos e altamente confiáveis. Isso é essencial para as equipes de análises e data science que dependem de dados completos e precisos para tomada de decisões, análise e treinamento de modelos.

Os analistas de dados do ABN AMRO agora podem facilmente realizar análises e transformar dados em relatórios e dashboards de negócios por meio do PowerBI.

Os data scientists e engenheiros de machine learning também podem implantar com facilidade modelos na produção com o MLflow. O que antes era um processo manual desconectado e ineficiente agora é consistente e automatizado.

Transformar dados em ação: experiência digital em escala no setor bancário

Transformar dados em ação: experiência digital em escala no setor bancário

O ABN AMRO usa o Databricks para responder às preferências dos clientes com mais rapidez, incluindo um novo conjunto de automação de marketing. Ao recomendar produtos relacionados e fornecer serviços relevantes, estamos melhorando a satisfação dos clientes e reduzindo a rotatividade.

Também estamos fortalecendo a detecção de fraudes, um desafio fundamental para o banco. Através do uso de machine learning, eles podem detectar comportamentos anômalos e prevenir atividades fraudulentas, como lavagem de dinheiro, um meio comum de financiar organizações terroristas em todo o mundo.

Dados e IA também estão causando impacto nas operações comerciais. Quando se trata de suporte ao cliente, o Databricks oferece um dashboard que fornece uma visão abrangente quase em tempo real dos clientes e seus ativos e transações. Isso dá às equipes de helpdesk e suporte a visão de que precisam em um formato fácil de usar para que possam atender melhor seus clientes. Além disso, eles podem monitorar o número de chamadas de cada representante de suporte para ajudar a melhorar a eficiência e reduzir os custos operacionais.

Oportunidades orientadas por dados de forma mais rápida e econômica

Oportunidades orientadas por dados de forma mais rápida e econômica

O ABN AMRO transforma, com sucesso, sua estratégia de dados. A tecnologia, antes um desafio, agora é um facilitador. Com essa mudança de paradigma, as equipes de dados do ABN AMRO conseguiram implantar quase dezenas de casos de uso em toda a empresa com velocidades impressionantes — 10 vezes mais rápido que a infraestrutura existente. Mas a transformação não para por aí. Groot estima que tenham implantado cerca de 5% de todos os casos de uso em seu roadmap, e eles planejam implantar mais de 100 casos de uso e adicionar novos modelos de machine learning nos próximos meses.

Mais importante ainda, à medida que a empresa cresce, a capacidade da equipe de dados também cresce e apoia os negócios. “Somos uma organização ágil”, comentou Stefan Boom, arquiteto de soluções do ABN AMRO. “Algumas coisas eram impossíveis antes, mas agora temos a flexibilidade e a capacidade de fazer qualquer coisa.”

O Databricks desempenha um papel fundamental na tomada de decisões orientada por dados. Com ele, o ABN AMRO permite que mais de 500 membros da equipe, incluindo engenharia de dados, análise, ciência de dados e negócios, aproveitem dados para criar soluções que oferecem casos de uso em toda a organização.

Groot espera que os modelos melhorem exponencialmente com mais de 100 casos de uso adicionais no roadmap no próximo ano. Com a pilha de tecnologia, a estrutura e os processos organizacionais e a cultura colaborativa, o ABN AMRO agora pode mudar o foco e acelerar a criação de valor em toda a empresa.